bt_pesquisa_maior2
Aeroporto de Londrina - Governador José Richa

Londrina

A história do Aeroporto de Londrina - Governador José Richa inicia-se em 1949 quando foi erguida uma casa de madeira no local onde hoje é o atual aeroporto, na zona Leste da cidade. Em 8 de abril de 1956, foi inaugurada a estação de passageiros do aeroporto pelo então prefeito Antônio Fernandes Sobrinho. Até o início das obras da grande reforma em 2000, o terminal de passageiros manteve os seus traços básicos, na exceção de algumas pequenas reformas sofridas.

O Aeroporto de Londrina foi o terceiro campo mais movimentado do país durante vários anos. Entre o final da década de 50 e o início da década de 60, a região Norte do Paraná se desenvolvia aceleradamente em virtude do avanço do café no interior do país.

Esse fato trouxe para Londrina muitos dos empresários de São Paulo, que dispunham na época apenas do transporte aéreo para chegar à cidade, pois as rodovias eram precárias. Era comum a existência de voos para cidades como Maringá, Apucarana, Arapongas e Jacarezinho, cidades não muito distantes de Londrina.

Em 1958, o aeródromo alcançou a terceira posição, superado apenas por Congonhas, em São Paulo, e Santos-Dumont, no Rio de Janeiro. Segundo registros, em julho de 1959, o movimento médio diário teve o seu pico, superando 125 operações entre pousos e decolagens da aviação regular, particular e táxis aéreos.

O intenso movimento manteve-se até 1962, e em 1963, já abalado pelos efeitos da crise do café, a atividade na região caiu, passando o aeroporto para a 11ª posição entre os aeroportos nacionais. Os números realmente eram espantosos. Em 1962, foi registrado um total superior a 49 mil operações entre pousos e decolagens e um movimento de 250 mil passageiros.

AddThis Social Bookmark Button