VOOS ONLINE
VOOS ONLINE
GUIA DO PASSAGEIRO
GUIA DO PASSAGEIRO
SITUAÇÃO DOS VOOS
SITUAÇÃO DOS VOOS

OPORTUNIDADES DE NEGÓCIOS
OPORTUNIDADES DE NEGÓCIOS
CARGA AÉREA ONLINE
CARGA AÉREA ONLINE
LICITAÇÕES
LICITAÇÕES
CONCURSOS INFRAERO
CONCURSOS INFRAERO
SERVIÇO CONTRA INCÊNDIO
SERVIÇO CONTRA INCÊNDIO
LINKS
LINKS

TARIFAS AEROPORTUÁRIAS
TARIFAS AEROPORTUÁRIAS
CENTRAL DE COBRANÇAS
CENTRAL DE COBRANÇAS
PORTAL FINANCEIRO
PORTAL FINANCEIRO
Aeroporto Internacional de Campo Grande

SBCG

O mais importante polo econômico e capital do Estado de Mato Grosso do Sul, a cidade de Campo Grande foi fundada por mineiros que chegaram no século XIX, vindos de São Paulo, Rio Grande do Sul, Paraná e da região Nordeste atraídos pelos campos de pastagens nativas e águas cristalinas.

Em 26 de agosto de 1899 a antiga Vila da Serra de Maracajú foi transformada em município, adotando o nome de Vila Campo Grande, e em 1910 tornou-se a comarca apelidada de cidade Morena por causa da cor vermelha de sua terra e da forte relação com a cultura indígena e suas raízes históricas.

Em 1932, o então Ministério da Guerra do Brasil (atual Ministério da Defesa) criou um Núcleo de Destacamento de Aviação na cidade de Campo Grande, com o objetivo de apoiar as aeronaves que transitavam pela região Centro-Oeste do Brasil. Na ocasião, foi construída uma infraestrutura mínima com uma pista de pouso de 600m de comprimento e 60m de largura para atender a nova base. Em 1933, o Exército ampliou a pista para 1400m de comprimento e 100m de largura. A partir da base, em 10 de março de 1934, foi inaugurada a primeira linha do Correio Aéreo de Fronteira, atendendo a região sul do antigo Estado de Mato Grosso (antes da criação do Mato Grosso do Sul), utilizando aviões Waco CSO.

Em 15 de setembro de 1945 nascia a Base Aérea de Campo Grande paralela ao aeroporto sul-mato-grossense, conhecida como a Sentinela do Pantanal. Cinco anos depois, em 1950, se iniciaram as operações aéreas comercias graças ao desenvolvimento da região que abriga o bioma do Pantanal.

Operada por aviões Junkers 52, de fabricação alemã, Campo Grande fazia parte da linha São Paulo/Três Lagoas/Campo Grande/Corumbá/Cuiabá. Até o início da década de 50 os aviões pousavam na região central de Campo Grande até a pista principal começar a ser construída em concreto e cimento.

Finalmente, por força da Lei Federal nº 1905 de 21 de julho de 1953, foi criado o Aeroporto Internacional de Campo Grande administrado pelo Ministério da Aeronáutica através do extinto Departamento de Aviação Civil-DAC. No mesmo ano - a bordo da aeronave Lockheed Constellation da Panair do Brasil - o então Presidente Getulio Vargas, pousava na cidade para inaugurar a pista de pouso e decolagens.

Em 20 de janeiro de 1964 foi inaugurado o primeiro Terminal de Passageiros e em 1967 foram construídos os pátios de estacionamento de aeronaves civil e militar em pavimentos rígidos, com o mesmo suporte da pista existente.

A partir de 3 de fevereiro de 1975 o aeroporto passou a ser administrado pela Infraero que logo providenciou a ampliação do pátio civil e começou a investir na infraestrutura do aeroporto.

Após a criação do novo Estado do Mato Grosso do Sul (1977), a Infraero resolveu ampliar o terminal de passageiros do aeroporto da capital sul-mato-grossense que teve sua área construída ampliada de 1.500 para 5.000 m2.

Em 1998, a empresa construiu uma nova área de embarque internacional ampliando novamente o terminal de passageiros para uma área total de 6.597,51 m2.

Hoje o aeroporto da capital sul-mato-grossense é um ponto de parada estratégico em relação aos países integrantes do MERCOSUL e aos grandes centros consumidores do País. Localizado a apenas 7 quilômetros do centro de Campo Grande, o aeroporto oferece suporte para a aviação comercial, regular regional, aviação geral e apoio fundamental para as operações militares além de alternativa imprescindível à aviação internacional. O espaço atual conta com duas pistas homologadas para pouso e decolagem, sendo a pista principal de 2.600 metros de comprimento por 45 metros de largura e direção 06/24 e a pista secundária de 2.500 metros de comprimento por 23 metros de largura. A capital sul-mato-grossense destaca-se pelo crescimento organizado, planejado e pelo seu traçado de avenidas largas e arborizadas.

Todas as operações do Aeroporto Internacional de Campo Grande são compartilhadas com a Base Aérea de Campo Grande e com o 3º Batalhão de Aviação do Exército Brasileiro - BAVEX (PANTERA).

 

 

 

 

AddThis Social Bookmark Button
 


Portal da Transparência    Acessibilidade Brasil    selo_participe
Infraero - [Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária] - Estrada do Aeroporto, Setor de Concessionárias, Lote 5 - Edifício Sede CEP 71608-050 - BRASÍLIA - DF - BRASIL